10 abril 2009

Os Sonhos de Icaro

Apaguem as luzes
Acabou o espetáculo
Chamem o palhaço louco de volta para a jaula
La Belle de Jour não mais será transmitida na sessão da tarde
Mesmo ela estando lá...
Vá à luta meu caro
Séverine não é Messalina
Nem coração stop motion picture.
Bauhauss, Blues, Bier,
As horas são impiedosas
Entre um gole e outro
As escolhas...
Os pensamentos são como raios em noites sem estrelas
Sem amigos, sem músicas, sem ninguém...
Um silencio predomina
Uma Nona no quarto é tão sublime
Que quase se acredita em divindade ou no divino
Uma óde
Permite se sentir Ícaro outra vez, ou seria Fernão?
Pouco importa...
Um trago e as palavras fluem
As flores do campo são selvagens
Mas não machucam
Soltem o palhaço o espetáculo deve continuar
Troquemos o filme
Quero a minha amada imortal de volta
Anna Marie é mais bela
Voltarei a minha vida de notívago
Quero as mazelas da noite
Aonde sou compreendido
Sempre...



11 comentários:

Aventuras de LegionFu disse...

além de belíssimo, você primou nas referências... por isso sou seu fã. Agora eu sei que "preciso" de sua verve, necessito de suas palavras mágicas
Força sempre!

Marcos disse...

Gostei muito do texto. Fica umm pouquinho complicado ler ele sem saber algumas coisas, mas é exatamente isso qu eu curti nele. Faça mais textos com esse e outros de outros estilos tbm Ileniel.
Até a próxima!

claudia disse...

gostei muito ...
diz a esplicação de um sentimento mortal e transmite uma segurança em correr atraz de um amor imortal...

Lenny disse...

O que é a imortalidade?
O sentimento por si só ao ser em geral é mortal, se ele te dominar desperta a loucura...
As palavras podem ser compreendidas de várias formas, e assim como a música ela vai despertar o sentimento que desejas sentir...
independente do real sentido do conjunto que as palavras formaram.
As referencias servem apenas para justificar a minha falta de criatividade..

Salamandra Malandra disse...

Ainda bem que existem os poetas, como faróis que nos mostram o caminho, em meio a este mundo escuro, confuso e sem graça. Graças ao homens que usam de sua sabedoria pra nos dar um pouco de mel.

Sissym disse...

Lele! Sei que ama estes primatas... tudo bem, vamos ao que interessa! O sonho de Ícaro levado e transformado pelas asas do tempo, em várias circunstâncias e sentimentos. Sim, melancólico neste desabafo em prosa, porém sublime. Ahhh nossos pensamentos voam... e capazes de iluminar um chão sem estrelas!

Indique mais preciosidades dessas... sabe que lhe tenho como uma amigo querido e adoro seu jeito de falar!

Beijos.

O Esquecimento disse...

Parabéns pelo texto!
Dá pra perceber o estado de espírito de quando o escreveste.
Só espero que tu saia desse poço...

Abraço!

rafael disse...

sucinto, profundo, e espirituoso!

Laura disse...

Ícaro... cuida-te, protege-te do Sol!
rsrsrsrs
Bjnhs, força sempre!
Além da amizade, ninguém pode roubar teus sonhos, tua vontade, tua garra - só tu mesmo!

Sharon disse...

Amigo, lindo o poema. Desejo de coração que vc supere esta fase ruim. Deus não coloca obstáculos em nossa vida dos quais não consigamos superá-los. Apenas aprenda com eles! Se cuida!

Anônimo disse...

As escolhas...
Fazer escolhas é fundamental e não nos lamentarmos com as q não foram exatamente como gostaríamos, questão de aprendizado.